Breaking News

BRASIL ENGAVETAMENTO DEIXA VAN PRESADA E CAUSA QUATRO MORTES NA RODOVIA RAPOSO TAVARES


Fotos: Anderson Cerejo/TV TEM
Um engavetamento envolvendo 16 veículos deixou uma van prensada e provocou quatro mortes na altura do quilômetro 98 da Rodovia Raposo Tavares, em Sorocaba (SP), na manhã desta sexta-feira (13).
O acidente ocorreu por volta das 5h. A pista expressa ficou interditada e tráfego foi desviado para a pista marginal. O congestionamento no local chegou a seis quilômetros. Por volta das 14h30 a pista foi totalmente liberada.
Duas pessoas que morreram estavam na van que ficou prensada. Outras duas vítimas eram motoristas de caminhões envolvidos no acidente.Segundo o Corpo de Bombeiros, além das quatro mortes, 47 pessoas ficaram feridas, sendo 45 em estado leve e duas em estado grave. Entre os feridos, quatro pessoas, três homens e uma mulher, foram levadas para o Conjunto Hospitalar de Sorocaba (CHS).
Os bombeiros informaram que tudo começou na madrugada, quando um veículo, por motivos ainda desconhecidos, diminuiu a velocidade na rodovia. No local do acidente há um radar limitando a velocidade máxima a 90 km/h, porém, em todo o trecho da rodovia que passa por Sorocaba a velocidade máxima é de 110km/h.
Em seguida, um caminhão que vinha logo atrás não conseguiu parar e bateu no veículo, provocando o engavetamento. Um caminhão de cimento derrubou a carga na pista e uma van ficou prensada entre o veículo e um ônibusA empresa responsável pela van que ficou prensada informou que o veículo estava com duas pessoas, o motorista e um passageiro, no momento do acidente. Os dois morreram. O veículo iria levar funcionários para uma empresa.
Ainda conforme a transportadora, o motorista trabalhava havia quase um ano na empresa. Ele era casado e tinha uma filha. A Transmeira completou dizendo que está dando assistência para as famílias das vítimas.
Outro veículo envolvido no engavetamento é uma van que prestava serviço de transporte para a Prefeitura de Itapeva (SP). O veículo levava pacientes para consultas médicas em São Paulo.
Segundo a prefeitura, não há feridos em estado grave. O número de pessoas que estavam no veículo não foi informado.A Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) informou que enviou uma equipe técnica ao local do acidente para verificar as causas e análise de possíveis medidas a serem adotadas, caso sejam detectadas irregularidades na sinalização ou qualquer outra não-conformidade no trecho.
"Foi constatado que a sinalização no trecho segue as normas técnicas e legislação. Serão verificadas possíveis medidas adicionais a serem adotadas pela concessionária naquele trecho. O acidente, segundo apuração preliminar, não teve relação com o ponto de radar instalado naquele trecho, tanto que ocorreu após o seu local. A série de colisões teria sido iniciada com o choque lateral entre um utilitário e um caminhão."
Outro acidente isolado foi registrado pouco atrás do local do engavetamento. Neste caso, uma van colidiu com um carro.
Já na pista sentido interior, onde também foi registrada lentidão, quatro carros se envolveram em mais batidas, por volta das 8h. Foram dois pequenos acidentes, mas ninguém ficou ferido. (Por G1 Sorocaba e Jundiaí)






Nenhum comentário