Breaking News

EMPRESA QUE OPERA N BAHIA É INVESTIGADA POR SUPOSTAS FRAUDES NO MERCADO FINANCEIRO


Empresa que opera na Bahia é investigada por supostas fraudes no mercado financeiro
O Ministério Público de São Paulo (MP-BA) investiga uma empresa que opera em Salvador suspeita de praticar fraudes no mercado financeiro, segundo informou o próprio órgão ao Bahia Notícias. A Promotoria de Justiça de Campinas pediu instauração de inquérito policial e o caso está com a Polícia.
No início de agosto, a empresa Binary Bit, que tem como um dos sócios Ivo Calmon, promoveu um evento na capital baiana. O encontro que aconteceu na Arena Fonte Nova teve apresentação musical de Saulo Fernandes e até sorteio de um carro. Na marca do evento foi utilizado, sem autorização, o slogan da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), que é uma autarquia vinculada ao Ministério da Economia responsável pela fiscalização do mercado financeiro.

Em nota divulgada no site, a CVM diz que denunciou a Binary Bit ao MP-SP e à polícia por usar “indevidamente os nomes da autarquia e do seu superintendente geral, Alexandre Pinheiro dos Santos, com a finalidade de transmitir aparência de credibilidade para possível esquema de fraude, na modalidade de pirâmide”.
Nas redes sociais, a empresa promete rendimentos de até 300% em 200 dias. De acordo com a Binary Bit, um investidor que aplicar R$ 1,2 mil poderá ganhar até R$ 3,6 mil no prazo mencionado. Para efeito de comparação, investimento rende, em média, até o valor da Selic (a taxa básica de juros da economia), que hoje está em 6%.
Ainda segundo a investigada, os clientes contam com a ajuda de robôs na operação. “Nosso robô faz operações automáticas de compra e vendas de pares de moedas estrangeiras dentro das maiores corretoras do mercado financeiro mundial”, explica o termo de adesão. A Binary Bit também oferece aos clientes cursos à distância sobre o mercado financeiro. O Bahia Notícias procurou a empresa para se manifestar, mas, até publicação da reportagem, não obteve êxito.

Ainda segundo a investigada, os clientes contam com a ajuda de robôs na operação. “Nosso robô faz operações automáticas de compra e vendas de pares de moedas estrangeiras dentro das maiores corretoras do mercado financeiro mundial”, explica o termo de adesão. A Binary Bit também oferece aos clientes cursos à distância sobre o mercado financeiro. O Bahia Notícias procurou a empresa para se manifestar, mas, até publicação da reportagem, não obteve êxito.

Nenhum comentário